Teste Fanático: ZenFone 3 Max

Teste Fanático: ZenFone 3 Max

Atendendo a um pedido recorrente que mandam aqui pro ASUS Fanáticos, hoje nós publicamos a análise do ZenFone 3 Max. O aparelho foi anunciado no Brasil no ano passado com uma bateria de grande capacidade e vem em dois tamanhos, 5,2” e 5,5”. O modelo que nós vamos analisar agora é o de 5,5 na cor prata. Aperte o play e confira 🙂

Bateria

Bom, vamos começar falando da bateria, que é o principal recurso desse aparelho. O Zenfone 3 Max traz bateria de 4100mAh. Em nossos testes, ela durou o dia inteiro e boa parte da noite. Então eu chegava em casa no final do dia e ainda podia sair com o aparelho sem precisar se preocupar em dar aquela recarga pra não ficar sem bateria antes de eu voltar. Eu podia ir tranquilo, que a bateria ia dar conta.

Além disso, o Zenfone 3 Max pode ser usado como um carregador portátil. Essa é uma possibilidade bem legal, inclusive. Ele traz um cabo OTG que permite conectar outros aparelhos ao seu zenfone. Assim dá pra ajudar aquele amigo que ficou sem bateria.

Design

Embora a bateria seja de grande capacidade, isso não implica nas dimensões do aparelho. O Zenfone 3 max é fino, com 8,3mm, e leve, pesando 175 gramas. O acabamento do smartphone é de qualidade. Ele é de metal fosco na parte de trás e possui uns detalhes em uma cor mais brilhante nas antena e ao redor dos componentes que deixam o aparelho com um aspecto mais rebuscado. Falando nos componentes, aliás. Temos aqui atrás a câmera, acompanhada do flash dual led e do sensor de foco a laser – já, já eu falo mais sobre eles – o leitor de digitais, embaixo a conexão micro USB pra carregador, em cima a saída pra fone de ouvido e dos lados os botões de volume e desligar. Em tempos em que os aparelhos começam a cortar essas conexões, é bom mostrarmos que o Zenfone 3 max vem com todas elas.

Como eu já falei, então, esse que eu tenho aqui é o modelo de 5 polegada e meia. A resolução da tela é Full HD e entrega a qualidade esperada. As cores são fiéis e ela é capaz de alcançar altos níveis de saturação e entregar um contraste excelente. Além disso, a tela é Super IPS, o que faz com que as cores não se alterem caso você olhe de um ângulo não muito convencional. E o brilho da tela também tá aprovado, porque ele permite o uso do zenfone 3 max mesmo em locais muito claros ou na rua, sob a luz do sol.

O vidro que protege a tela é o Gorilla Glass 2.5D. Ele tem uma curvatura nas extremidades, que é pra dar mais resistência às bordas em caso de quedas.

Câmera

A câmera do modelo de 5 polegadas é meia é de 16 megapixels. E a gente consegue perceber como a ASUS vem aprimorando a câmera dos seus aparelhos. As fotos do zenfone 3 max saem com cores fieis, nítidas e com um bom balanço de branco. Ela não confunde, nem mistura as cores. Se tem uma pequena diferença no tom da cor de dois objetos em uma cena, por exemplo, ela consegue capturar essa diferença tranquilamente.

O que eu também gosto na câmera do Zenfone são os modos de fotografia que ele traz. Os que eu mais uso são o super resolução e HDR.

O super resolução é legal porque ele captura imagens com 4 vezes mais definição pra que a gente consiga ver com mais nitidez os pequenos detalhes de uma imagem, principalmente quando nós dermos zoom na foto. Eu uso bastante esse modo quando quero fazer um corte na imagem, pra ver bem determinado detalhe de uma foto.

E o modo HDR, uso pra tirar fotos contra luz. O aparelho traz dois tipos de HDR. Um mostra em tempo real como vai ficar a foto. Então antes de tirar, você já vai conseguir ver o resultado. E tem, também, uma versão mais aprimorada, que é o HDR Pro. O zENFONE tem uma tecnologia que deixa visível a pessoa ou objeto que estiver entre a luz do sol, por exemplo, e o celular. Numa situação normal, nós veríamos apenas a silhueta dessa pessoa ou objeto. Eles ficariam escuros. Com o modo HDR eu consigo evitar que isso aconteça. Olha só:

Sem HDR

Com HDR

Outra característica que eu preciso mencionar é a rapidez com que o zenfone 3 max foca. Esse modelo aqui, de 5,5 polegadas, traz uma tecnologia que, consegue focar em apenas 3 centésimos de segundo. Lógico que eu não consigo medir isso no uso do dia a dia. Mas eu posso afirmar, depois de fazer os testes, que o foco é super rápido mesmo e preciso. E além de focar super rápido, a câmera do zenfone 3 max também consegue manter o foco em objetos em movimento. Isso é legal porque aí você não precisa refazer o foco toda vez que um objeto ou pessoa se move na cena.

E a qualidade de imagem é a mesma quando você for gravar um vídeo com o zenfone 3 max. As cores saem fieis, nítidas, como nas fotos. E pra evitar que as filmagens saiam tremidas ao filmar, esse aparelho aqui traz estabilização eletrônica que ignora as bordas do vídeo que são criadas quando você mexe as mãos, mantendo o centro do vídeo estável. O Zenfone 3 max filma em resolução Full HD a 30 frames por segundo. É uma configuração suficiente pra entregar vídeos fluidos, sem aquela aparência pixelada.

Leitor de Digitais

O leitor de impressão digital na parte de trás do Zenfone 3 Max se mostrou muito eficiente. Ele desbloqueia o aparelho de forma fácil e rápida e é capaz de reconhecer até cinco dedos em 360°. E ele não serve só pra desbloquear o aparelho. O sensor funciona também com outros aplicativos que pedem senha, como apps de bancos por exemplo. Ainda são poucos os apps pra android que permitem usar a digital no login, mas a tendência é que cada vez surjam mais e é bom ter um smartphone preparado pra isso. Assim fica mais prático e rápido pra acessar esses serviços.

E ele não serve só pra desbloquear o smartphone ou autenticar em aplicativos. É possível usar o sensor como atalho pra abrir a câmera, tirar fotos e até atender ligações. Eu já mostrei como configurar esses recursos aqui no blog. Vou deixar o link pra vocês.

Outra possibilidade legal do sensor é que como ele tá localizado na parte de trás do zenfone, você pode tirar o aparelho do bolso já desbloqueando.

Desempenho

Vamos falar agora sobre o desempenho do ZenFone 3 max. Essa versão que eu tenho aqui, de 5,5 polegadas, traz processador Snapdragon 430, da Qualcomm. Ele possui oito núcleos, arquitetura de 64-bit e 1,4GHz de frequência. Além disso, a memória RAM é de 3GB. Mas o que essas especificações entregam na prática? Eu rodei jogos, aplicativos mais pesados, e eles iniciaram rapidamente e entregaram uma experiência gráfica satisfatória. E eu deixei tudo isso aberto pra usar as redes sociais. E todos os aplicativos funcionaram tranquilamente, sem travamentos ou lentidão. E a transição entre eles foi rápida. Mérito aí, da memória RAM.

E o Zenfone 3 Max traz algo que os brasileiros gostam bastante. Ele permite a utilização de dois chips SIM, que podem ser de operadoras diferentes e são compatíveis com a rede 4G, no padrão LTE Categoria 4, que permite velocidades de download de até 150Mbps. Mas fica o alerta. Se você optar por usar um cartão micro SD, ele vai ocupar o slot do SIM 2, ok? Não dá de usar os dois chips mais um micro SD.

ZenUI 3.0

O Zenfone 3 Max vem equipado com Android 6.0 Marshmallow de fábrica e com a ZenUI 3.0. Essa interface exclusiva da ASUS traz alguns recursos legais que melhoram bastante a experiência do usuário. O Zenmotion, por exemplo, é um desses recursos. Com ele é possível ligar e desligar a tela com dois toques e usar gestos com a tela desligada pra acessar alguns recursos. Por exemplo, eu posso abrir a câmera fazendo um C na tela. E esses atalhos são totalmente personalizáveis. É só acessar as configurações. Vou deixar um card aqui em cima no vídeo mostrando como fazer esses ajustes.

A ZenUI também traz outros dois recursos muito legais. O Mobile Manager e o Game Genie. O Mobile Manager é um aplicativo que mantém o ZenFone rodando sempre com o melhor desempenho, seja em processamento ou em economia de energia. Com ele é possível escolher perfis de uso de bateria, limpar apps indesejados, limpar a memória e até armazenamento. Recomendo dar uma olhadinha quando você comprar o seu zenfone ou caso você já tenha um.

E o Game Genie é uma ferramenta pra fazer a transmissão de jogos ao vivo pelo youtube ou twitch. Ele faz isso de forma muito prática e fácil. Assim você pode compartilhar o gameplay de um jogo com seus amigos.

Outra vantagem da ZenUI é que ela é totalmente personalizável. É possível usar um tema animado na tela de desbloqueio que vai mudando de acordo com a previsão do tempo e há diversos temas pra baixar ou comprar na loja. Se nenhum dos temas te agradar, o que é difícil, porque há várias opções à disposição, você pode criar um tema próprio, com os elementos que você mais gostar de outros temas. É bem legal.

Conclusão

Esse então é o Zenfone 3 Max, uma boa opção de smartphone pra quem precisa de muita bateria pra trabalhar ou se divertir, porque ele não te deixa na mão. Como eu já disse, ele foi lançado no Brasil no ano passado, e você pode encontrá-lo na loja online da ASUS e em outros sites do varejo por R$1.299,00.

Comentários

comments

Share this: